SKETCHUP & VRAY

V-ray 3.4 para Sketchup! Confira!

V-ray 3.4 para Sketchup! Confira as novidades desta versão do V-ray para Sketchup onde testei as principais ferramentas e comento um pouco sobre as melhorias! Aprenda agora!

O V-ray é de longe o motor de renderização mais utilizado em conjunto com o Sketchup permitindo criar projetos incríveis e essa versão está recheada de novidades. Vamos conferir!

NOVA INTERFACE

Acho que o que mais assustou (ou impressionou!) foi a nova interface. No início você pode ficar um pouco perdido mas depois de usar um pouco percebe que está bem mais organizada.

As mudanças de interface foram relacionadas a organização e agrupamento das ferramentas. Na versão 2.0 temos duas barras de ferramentas sendo: VfS: Main Toolbar e VfS: Lights. Já na versão 3.4 temos três barras de ferramentas sendo: V-ray for Sketchup, Vray Objects e V-ray Lights.

vray-3.4-para-sketchup

Vamos explorar o principal menu, o V-ray Asset Editor, que está disponível na primeira barra de ferramentas, a V-ray for Sketchup.

vray-3.4-para-sketchup

V-RAY ASSET EDITOR

Substituindo o Options Editor, o V-ray Asset Editor está muito mais intuitivo e passou a incorporar as configurações de materiais, luzes e opções de render, além do novo Geometry.

vray-3.4-para-sketchup

Achou o menu muito pequeno? Não se esqueça de expandir a janela clicando na seta a direita.

vray-3.4-para-sketchup

Agora vamos às opções. Na barra superior conforme trocamos de ferramenta a interface é atualizada mostrando os novos recursos disponíveis.

vray-3.4-para-sketchup

MATERIALS

O primeiro menu é o Materials que sofreu grandes melhorias. A primeira coisa é o Preview, onde antes era uma bolinha minúscula agora temos um formato onde podemos ver com maior riqueza de detalhes como o material irá se comportar no objeto aplicado.

O mais legal é que você pode escolher entre outras geometrias para testar o material desejado, basta clicar nos “pontinhos” na parte superior direita.

vray-3.4-para-sketchup

O processo de criação de materiais também sofreu alterações. Agora para criar um material genérico (ou qualquer outro) temos que ir até o menu inferior.

vray-3.4-para-sketchup

Achei muito melhor esta opção. Mas a magia começa agora. Foi implementado o painel Quick Settings onde você tem uma versão resumida dos principais campos para configurar um novo material.

vray-3.4-para-sketchup

Aqui os campos mais básicos para a configuração de um material estão disponibilizados aqui, observe que ao altera qualquer campo na aba Quick Settings no Painel lateral os campos correspondentes também são alterados.

vray-3.4-para-sketchup

E agora a parte mágica. Materiais pré-configurados. Pois é! Agora você pode criar rapidamente materiais simples como plástico, vidro, água, pintura automotiva entre outros! A opção está logo abaixo de Quick Settings. Basta clicar em Generic e escolher qual pré-configuração você deseja.

vray-3.4-para-sketchup

E não para por aí, agora também temos uma biblioteca com diversos materiais prontos, basta selecioná-los nas pastas. Para acessá-los clique na seta a esquerda.

vray-3.4-para-sketchup

A qualidade dos materiais e cores está incrível comparado a versão 2.0 do V-ray. Mas agora vamos para as luzes!

LIGHTS

Este sofreu grandes alterações a começar que as configurações do Sol estão aqui e não mais nas opções de render (o que faz muito mais sentido!).

vray-3.4-para-sketchup

Agora alguns aspectos importantes a se observar. Para fazer alterações nas luzes que você tem na cena não é mais necessário clicar com o botão direito sobre a luz, selecionar V-ray for Sketchup e depois Edit Light. Agora ao adicionar uma luz ela é listada neste painel e você pode simplesmente selecioná-la e fazer as devidas alterações.

vray-3.4-para-sketchup

Isso ajuda horrores, principalmente que sempre temos pontos de luz em locais bem ruins para selecioná-los.

Agora um dos mais importantes! Ao criar uma cópia de uma luz inserida na cena ela se comporta como um componente, ou seja, se você altera qualquer informação (cor, potência, etc) todas as outras são alteradas!

vray-3.4-para-sketchup

Então se quiser uma nova fonte de luz com uma configuração individual crie uma nova, não utilize o comando cópia!

vray-3.4-para-sketchup

Recomendo que renomeie os pontos de luz para conseguir identificá-los com maior facilidade, quem faz projetos de luminotécnica (eu, rs!) sofre muito com isso.

Agora o novo menu o Geometry.

GEOMETRY

No menu Geometry a princípio ele irá aparecer vazio. Este painel é destinado a duas novas ferramentas: o V-ray Fur e o V-ray Mesh Clipper. Mais a frente vou explicar o que cada um faz e as aplicações.

vray-3.4-para-sketchup

E não menos importante o painel de opções Settings.

SETTINGS

O Settings é basicamente o novo painel Options onde fazemos todas as configurações da renderização no V-ray.

vray-3.4-para-sketchup

A primeira vista parece que temos menos opções porém os painéis estão mais elaborados e intuitivos, onde é possível chegar a resultados mais sofisticados de maneira mais rápida. Sinceramente ainda não consegui testar tudo, mas aos poucos vou publicando as novidades.

LUZES, CÂMERA E AÇÃO!

As luzes do V-ray estão muito mais precisas, principalmente em relação as cores. Infelizmente não foi dessa vez que implementaram a opção de escolher o Kelvin ao invés de se limitar apenas as opções de cores. Falo isso devido a versão Vray para 3DS Max já ter esta possibilidade.

Vamos ver algumas novidades, onde vou comentar apenas as principais alterações e novidades das luzes.

RECTANGULAR LIGHT

A retangular light agora se chama Plane Light. O nome foi alterado porque agora é possível criar um plano em forma de elipse. Para isso basta ir até o Asset Editor e na aba Lights alterar o campo Shape.

vray-3.4-para-sketchup

SPOT LIGHT

Essa teve a alteração que todos pediram (ou xingaram) trocaram aquele pseudo-guarda-chuva por algo mais parecido com um Spot.

vray-3.4-para-sketchup

Outra alteração importante, o tamanho. Antes o spot era monstruosos e sempre tinhamos que ficar redimensionando com o comando escala. Agora ela já vem com um tamanho proporcional.

vray-3.4-para-sketchup

IES LIGHT

A IES Light agora ao clicar nela imediatamente o navegador é aberto onde você só pode inserir esta luz no projeto se tiver um arquivo IES vinculado.

vray-3.4-para-sketchup

OMNI LIGHT

Na Omni Light a principal alteração foi o seu formato. Agora ficou parecido com um “asterístico”.

vray-3.4-para-sketchup

DOME LIGHT

Agora a Dome Light tem dimensionamento fixo, não sendo possível criá-la do tamanho que você quiser. Outra alteração é quando a uma seta ems eu interior, permitindo sua rotação com maior precisão.

vray-3.4-para-sketchup

MESH LIGHT

Que tal você conseguir transformar objetos em luzes? Agora é possível fazer isso com Mesh Light. O único cuidado é que o objeto seja um grupo ou componente. Clique na ferramenta Mesh Light, clique no objeto e pronto! Ele ficará com uma demarcação ao redor indicando que é uma luz mesh.

vray-3.4-para-sketchup

INTENSITY

Com esta ferramenta você pode regular a intensidade de qualquer luz do seu projeto simplesmente clicando e movendo para cima ou para baixo.

vray-3.4-para-sketchup

V-RAY OBJECTS

Agora os objetos como Infinity plane e Proxy estão agrupados nesta barra de ferramentas. Aqui vou me concentrar nas novidades: Fur e Mesh Clipper.

FUR

Para quem tinha que recorrer ao plugin Make Fur, boas notícias. Agora temo o Fur, que funciona da mesma maneira. Para quem não sabe do que estou falando o Fur é uma ferramenta que permite criar “pelos”.

vray-3.4-para-sketchup

Mas onde vou usar esse negócio?

O primeiro lugar é para criar gramas realistas. Basta que você tenha um plano e o transforme em grupo ou componente. Deixe o objeto selecionado e clique na ferramenta. Visualmente não terá muita alteração, já que se os polígonos fossem inseridos na cena seu arquivo poderia ficar pesadíssimo, sendo assim só irá aparecer na renderização.

vray-3.4-para-sketchup

Você consegue fazer diversas configurações, dando efeitos de grama mais fina, maior ou menor volume, etc.

Legal, mas porque não deram o nome de “Grama” pra ferramenta?

Simples, você pode criar outras coisas com ela, por exemplo um tapete felpudo.

vray-3.4-para-sketchup

Isso abre um leque incrível de possibilidades no seu projeto, sem ter q fazer gambiarras via Displacement. Agora da até pra dar uns closes bem detalhados sem muita dificuldade.

MESH CLIPPER

Outra ferramenta incrível. Agora você não precisa ficar “ocultando paredes” para fazer renderizações internas ou em corte. Esta ferramenta permite que um grupo ou componente faça um “corte/intersecção invisível” no seu projeto ocultando parte dele na renderização, onde o mais legal é que o “vazio” das paredes é fechado automaticamente.

vray-3.4-para-sketchup

O processo é bem simples, você cria uma forma para fazer a intersecção com o seu projeto, transforma em grupo ou componente e com a geometria selecionada clica em Mesh Clipper. Observe que a fora terá uma demarcação especial quando selecionada, permitindo identificar que a mesma é um Clipper.

vray-3.4-para-sketchup

Agora é só movimentar a geometria até o ponto em que você quer que seja “cortado” e renderizar.

vray-3.4-para-sketchup

Agora vamos ver o que acontece quando renderizamos com um clipper a cena.

vray-3.4-para-sketchup

O mais interessante é que o próprio clipper providencia os “fechamentos” das paredes ocas.

Caso você ache interessante, é possível criar um material para que ele seja aplicado nas intersecções na qual o clipper cria. Fiz um teste com um material vermelho.

vray-3.4-para-sketchup

Garanto que ainda devem ter diversos recursos que ainda não descobri mas estes são os de maior destaque. Já deu para ver que o Vray 3.4 chegou com tudo! E você? Descobriu algum recurso incrível do novo V-ray? Compartilhe com a gente!

Gostaram? Curtam nossa página! Facebook!

Participem do nosso grupo! Grupo QualifiCAD!

Dúvidas? Comentem!

Autor

Luis André

Luis André

LUIS ANDRÉ é Designer Industrial, Arquiteto e Ilustrador nas horas vagas. Graduado em Design Industrial, Arquitetura e Urbanismo e mestrando em BIM (Modelagem da Informação da Construção). Atua como arquiteto na construção civil e também é professor em um Centro de Treinamento Autorizado Autodesk (ATC).
Criou o blog para compartilhar conhecimento e aprimorar iniciantes ou profissionais quanto aos diversos recursos do AutoCAD, REVIT e SKETCHUP.

25 Comentários

  1. Kelsen
    12 de abril de 2017 at 10:49 — Responder

    Caro Luis, eu uso o V-Ray 2.0 no SketchUp há muito tempo e não tinha entendido muito bem alguns recursos dessa nova versão. Mas seu artigo permitiu agora que eu entendesse claramente. Parabéns!!!
    Só permita-me fazer uma observação: essa nova versão do V-Ray é a 3. A 3.4 era quando ainda estava em versão beta.
    Abraço.

    • 12 de abril de 2017 at 11:38 — Responder

      Olá Kelson,

      Que bom que gostou. Sobre a versão, conferi no Sketchup agora e está marcando V-ray 3.40.01. Não vi nada sobre 3.A.

      Um abraço!

  2. Marcelo
    12 de abril de 2017 at 13:02 — Responder

    Olá, já foi lançada a versão 3.4.02. Abraço!

    • 12 de abril de 2017 at 19:11 — Responder

      Olá Marcelo,

      Essa última casa decimal vai sair uma nova quase toda semana, que são correções de Bugs e melhorias. Mas obrigado pelo recado!

      Um abraço!

  3. Andre
    2 de junho de 2017 at 06:00 — Responder

    Parabéns pelo review! Muito bom!!!

    Peguei o projeto que estava no Skt 2016 e vray 2 e levei pro 2017 e vray 3.

    Algumas areas, principalmente tecido de estofado, sofa, cadeiras, ficara muito mais escuras depois de renderizado.

    Tem alguma configuração que possa me ajudar?
    Pensei Camera, talvez.
    É interior.

    obrigado!

    • 2 de junho de 2017 at 08:47 — Responder

      Olá André,

      Pela câmera você pode ajustar o f-number, porém isso afeta a cena inteira. Tente ajustar pelo material para não impactar o restante.

      Um abraço!

    • 14 de junho de 2017 at 21:01 — Responder

      André, tudo bem? Tive o mesmo problema ao renderizar cenas criadas no VRAY 2.0, conseguiu resolver? Descobriu qual a configuração alterar?

  4. Andre
    2 de junho de 2017 at 14:52 — Responder

    Vou tentar! Obrigado.
    Faz um post desses falando explicando o FUR e o MESH.

    E também, seria incrivel um falando dos ajustes para um bom render INT/EXT

  5. Felipe Wolf
    2 de junho de 2017 at 17:39 — Responder

    Parabéns pelas dicas iniciais…sempre bom ver quem tem mais experiencia e didática passar tal conhecimento…agora, meu problema maior foi o Settings…me perdi mesmo kkk obrigado!

  6. 6 de junho de 2017 at 16:27 — Responder

    Ótimas dicas!!
    Biaxei a pouco tempo e realmente parece ter melhorado muito, mas confesso, estou perdida no settings. Na versão antiga tinha uma opção que mexia na distância da camera em relação a imagem, sabe me dizer onde mudo isso? Lembro que esse item tinha um valor fixo (40, se não me engano), mas era possível alterá-lo. Já modifiquei varios itens e não mudou nada..

  7. 16 de julho de 2017 at 15:03 — Responder

    Gostaria de saber se é normal, comecei a usar o 3.4 e agora quando vou renderizar a minha janela do progresso do render % não aparece muitas vezes e não sei oq fazer.

    • 17 de julho de 2017 at 14:23 — Responder

      Olá Daniel,

      Já aconteceu comigo. Tente o seguinte, primeiro abra a janela de render (Frame Buffer) e depois mande renderizar com ela na tela.

      Grato!

  8. Vagner
    22 de julho de 2017 at 16:32 — Responder

    Essa versão esta muito bugada, até a versão final, travando muito, coisas que não acontecia no 2.0.

    • 27 de julho de 2017 at 21:55 — Responder

      Olá Vagner.

      Já ouvi alguns comentários sobre isso, mas comigo funcionou muito bem. Já tentou atualizar sua versão? Pq sempre sai alguma atualização, se não me engano a última é a 3.4.04.

      Um abraço!

  9. barbara
    31 de agosto de 2017 at 15:19 — Responder

    Oi Andre comecei usar agora e to tendo dificuldade na hora de renderizar , ele finaliza mas a imagem fica pixelada , parece nao finalizada ,sabe?
    um help please

    obrigada

    • 3 de setembro de 2017 at 12:04 — Responder

      Olá Bárbara,

      Parece que a renderização está sendo interrompida no meio do processo. Você conferiu se na janela de render aparece como 100%?

      Um abraço!

  10. maristela
    21 de setembro de 2017 at 11:48 — Responder

    no vray 3.4, apos eu configurar o meu material como aplico no meu material selecionado?

    • 22 de setembro de 2017 at 08:20 — Responder

      Olá Maristela,

      O processo é o de sempre. Selecione o material, vá até o “balde de tinta” e clique no objeto desejado.

      Um abraço!

  11. Lélia
    6 de outubro de 2017 at 21:03 — Responder

    Ola, André!
    Essa versão é mais pesada que a 2.0?

    Obrigada

    • 9 de outubro de 2017 at 13:35 — Responder

      Olá Lélia,

      Achei a versão mais leve e rápida que a 2.0.

      Um abraço!

  12. Amanda
    10 de outubro de 2017 at 14:40 — Responder

    Alguém teve problema em imagens externas? Quando salvo a imagem externa ela fica sem céu, isso é normal? Nessa versão só dá pra colocar céu pelo photoshop?

    • 29 de outubro de 2017 at 15:01 — Responder

      Olá Amanda,

      Quando você fala de imagens externas você diz HDRI? Como você está aplicando essa imagem, no Environment ou na DomeLight?

      Um abraço!

  13. Andreza Mayr
    25 de outubro de 2017 at 09:01 — Responder

    Olá Luis!

    Estou renderizando na versão nova e estou utilizando como revestimento um porcelanato branco, mas na hora que renderiza as peças se tornam uma só, não havendo diferenciação dos porcelanatos. Alguma sugestão?
    E estou tendo o mesmo problema que a Barbara mencionou la em cima.

    Obrigada!

    • 29 de outubro de 2017 at 15:37 — Responder

      Olá Andreza,

      Você já conferiu o tamanho da imagem? Outra coisa pode ser que o fato da imagem não ter um rejunte pode ter deixado o porcelanato com cara de uma peça única. Talvez você precise passar a imagem no photoshop e dar uma “tratada” nela.

      Um abraço!

  14. RAQUEL
    25 de novembro de 2017 at 12:01 — Responder

    Obrigada! Muito boa a comparação com a versão anterior! 🙂

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *