NOTÍCIAS

AutoCAD 2017! Conheça as novidades!

AutoCAD 2017! Conheça as novidades da mais nova versão do AutoCAD onde comentamos as principais ferramentas, novidades e melhorias!

Como assim já saiu a versão do AutoCAD 2017? Pois é, a Autodesk tem essa prática de lançar sua nova versão todos os anos no mês de março, geralmente na terceira semana. Para você não ficar por fora vamos comentar nossas impressões e o que achamos dos novos recursos. Para isso vamos pegar algumas das principais ferramentas e explorar um pouco seu uso e aplicações. Confira com a gente!

LINHAS DE CENTRO INTELIGENTES

Dentro da aba Annotate foi acrescentado o painel Centerlines onde temos duas novas ferramentas, sendo a Center Mark e a Centerline. Vamos entender o que cada uma delas faz.

Centerlines

CENTER MARK

Como o nome diz essa ferramenta cria uma marcação de centro em um arco ou círculo.

Hum, ok, e o que tem de inovador nisso?

O recurso é paramétrico, ou seja, ele se atualiza conforme você redimensiona a geometria.

Centerlines

Para personalizar a Center Mark é necessário selecionar e ir até o painel de propriedades (Ctrl + 1), no painel temos os campos General, Geometry e Misc. Vamos entender o que podemos fazer.

General – Configurações gerais, porém o que nos interessa aqui é o campo Line Type, onde podemos alterar o estilo da linha. Infelizmente a alteração só é aplicada as linhas que estão fora do círculo.

Geometry –  Em Cross Size você pode alterar o tamanho da “cruz” que fica ao centro do círculo e em Cross Gap podemos alterar o espaçamento entre a “cruz” as linhas de eixo.

Centerlines

Para alterar a extensão das linhas de eixo devemos recorrer aos campos Extension (right, left, top e Botton). Ou selecionamos a Center Mark e através dos seus grips (Quadradinhos azuis) puxamos conforme acharmos melhor.

Centerlines

CENTER LINE

Essa opção eu achei a mais interessante, já que podemos criar linhas de centro associadas a geometria do nosso projeto.

Centerlines

O único cuidado é que caso precise fazer alguma alteração no desenho o que deve ser movimentado são as linhas na qual a Center Line está centralizada, caso movimente a própria Center Line poderá ter alguns problemas para corrigir.

Para personalizar a Center Line, também é necessário selecionar e ir até o painel de propriedades (Ctrl + 1). Neste caso as opções são para alterar o tipo de linha e sua extensão.

 PDF APRIMORADO

Ao importar um PDF o AutoCAD 2017 oferece algumas opções para configurarmos como e o que queremos que seja importado.

PDF

Podemos escolher como os dados serão importados, como identificar geometrias vetoriais e converter em polylines, circles, arc, ou similares, identificar preenchimentos e converte-los em hachuras, se vamos incorporar as camadas (layers) do PDF ao nosso projeto, entre outras opções.

Porém, isso varia muito da origem do PDF por isso vou demostrar duas importações que fiz com arquivos PDF variados.

PDF GERADO NO AUTOCAD

Nesta opção fiz a importação de um PDF de uma casa popular que foi gerada a partir de um arquivo do AutoCAD (.dwg). Resumindo, peguei um arquivo .dwg, criei um PDF a dentro de um novo arquivo importei esse PDF para o AutoCAD.

PDF

O que aconteceu?

Como o PDF foi gerado com a impressora DWG to PFG.pc3, o AutoCAD reconheceu todos os layers do PDF e os mesmos foram incorporados ao arquivo.

PDF

As camadas funcionam perfeitamente, assim como no arquivo original, assim como os snaps.
PDF

Outra vantagem é que o AutoCAD reconhece os objetos do PDF como polylines, arcs e circles, o que permite que você altere ou acrescente informações assim como um desenho convencional. Estranhamente não reconheceu nenhum objeto como line.

O problema vem na hora de identificar anotações. Cotas, textos, Multileaders e tabelas não são identificadas como tal e vem explodidas, o que acaba fazendo um bocado de falta. Hachuras também não são identificadas.

PDF

Ao salvar o arquivo notei que em comparação ao original ouve pouca diferença. O novo arquivo ficou um pouco maior que o .dwg original.

PDF

PDF GERADO POR TERCEIROS

Quando falo “terceiros” quero dizer que engloba PDF’s gerados por outros programas ou até mesmo no AutoCAD, porem utilizando outras impressoras virtuais como PDFCreator, Adobe PDF, etc.

Peguei um PDF qualquer de uma casa popular no Google e importei para um arquivo novo.

PDF

O arquivo foi reconhecido sem grandes problemas.

PDF

O AutoCAD 2017 reconheceu geometrias e “preenchimentos solidos”.

PDF

E são sólidos mesmo! Selecionei um deles e apliquei o comando extrude e consegui gerar um solido 3D!

PDF

Para que a geometria solida seja reconhecida como hachura é necessário habilitar o campo Convert Solid fills to hatches.

MIGRATE CUSTOM SETTINGS

Toda vez que você instala uma nova versão do AutoCAD é a mesma história, “mas e minhas configurações e personalizações que eu fiz? Vou ter que configurar tudo de novo?

O AutoCAD nas últimas versões passou a se preocupar com isso, porém nesta versão você pode personalizar a migração dos recursos que você personalizou através do Migrate Custom Settings.

Migrate Custom Settings

Antigamente era “tudo ou nada”, agora você pode escolher entre personalizações de interface, configurações e conteúdo. Para isso basta selecionar os campos de seu interesse e dar Ok.

DETECÇÃO DE LINHAS INTERROMPIDAS (TRACEJADAS)

Todo profissional de AutoCAD já deve ter passado por isso. Tentar selecionar uma linha traço-ponto ou tracejada e tentar clicar no “intervalo” entre as linhas e o AutoCAD não reconhecer que ali tem um objeto.

Agora você pode fazer com que o AutoCAD reconheça a linha digitando na linha de comando LTGAPSELECTION e alterando o valor para 1 (um).

Linhas interrompidas

CURSOR TYPE

Essa aqui foi a que fez menos diferença para mim. Você pode mudar o estilo do cursor do mouse. Ao invés da tradicional “cruz com um quadradinho ao centro” você pode alterar para a seta. Basta digitar CURSORTYPE e alterar o valor para 1 (um).

Cursor Type

Toda vez que o AutoCAD apresenta algum travamento ou erro essa seta aparece, então eu sou meio traumatizado com isso! rs!

3D PRINT

Se você tem uma impressora 3D assim como eu, no worksace 3D Modeling dentro da aba Output temos agora o painel 3D Print, onde você pode usar a ferramenta Send to 3D a Print Service.

3D Print

Com essa ferramenta basta clicar no modelo 3D que você deseja enviar para sua impressora 3D e ao pressionar enter e acessar a janela 3D Print Options. Aqui você pode conferir seu modelo e ajustar a escala e as dimensões que o modelo deve ser impresso.

3D Print

Clicando em OK o AutoCAD abre o Browser para que você salve o arquivo na pasta que desejar com a extensão .stl (formato Lithography).

CAIXAS DIÁLOGO REDIMENSIONÁVEIS

Agora algumas caixas diálogo são redimensionáveis, permitindo uma melhor visualização do conteúdo e das janelas de preview.

Caixas diálogo redimensionáveis

As caixas diálogo que permitem redimensionamento são APPLOAD, ATTEDIT, DWGPROPS, EATTEDIT, INSERT, LAYERSTATE, PAGESETUP, e VBALOAD.

CONCLUSÃO

Ainda é cedo para dar uma conclusão, afinal o programa foi lançado a exatamente uma semana mas dentre os novos recursos temos algumas ferramentas muito interessantes que podem facilitar a vida dos profissionais que passam o dia (ou a noite também) mergulhados nessa ferramenta que já faz parte de nossas vidas.

Gostaram? Compartilhem com seus amigos e curtam nossa página! Facebook!

Dúvidas? Comentem!

Autor

Luis André

Luis André

LUIS ANDRÉ é Designer Industrial, Arquiteto e Ilustrador nas horas vagas. Graduado em Design Industrial, Arquitetura e Urbanismo e mestrando em BIM (Modelagem da Informação da Construção). Atua como arquiteto na construção civil e também é professor em um Centro de Treinamento Autorizado Autodesk (ATC).
Criou o blog para compartilhar conhecimento e aprimorar iniciantes ou profissionais quanto aos diversos recursos do AutoCAD, REVIT e SKETCHUP.

9 Comentários

  1. joão gustavo
    12 de agosto de 2016 at 15:41 — Responder

    tem como ativar o menu classic no autocad 2017.

    • 16 de agosto de 2016 at 23:29 — Responder

      Olá João,

      Infelizmente não, mas da para você criado customizando um workspace. Da um trabalhinho, mas é possível.

      Um abraço!

  2. joão gustavo
    22 de agosto de 2016 at 15:05 — Responder

    Blz obrigado.

  3. joão gustavo
    25 de agosto de 2016 at 13:30 — Responder

    amigo uma outra duvida. Antigamente eu desenhava e movia o objeto para o ponto de origem. Ativava o comando move, selecionava e para mover eu digitava no eixo 0,0,0 e dava enter e o objeto ia ao ponto de origem. No Autocad 2017 Não está sendo possível. Tem como mover para o ponto de origem como antigamente. Obrigado.

    • 6 de dezembro de 2016 at 11:28 — Responder

      é só desabilitar dynamic input…. comando dynmode [enter] 0 [enter]

  4. matheus
    11 de janeiro de 2017 at 10:06 — Responder

    Ele seria mais “pesado” do que o AutoCad 2016 ?

    • 11 de janeiro de 2017 at 19:10 — Responder

      Olá Matheus,

      Geralmente sim. A cada versão como são inseridos novos recursos isso vai deixando o programa um pouco maior.

      Um abraço!

  5. Carlos Fernando
    11 de janeiro de 2017 at 16:18 — Responder

    Boa tarde, como faço para acessar a aba “annotate” pois não encontrei!
    Grato

    • 11 de janeiro de 2017 at 19:08 — Responder

      Olá Carlos,

      A aba Annotate é a terceira aba do menu superior. Qual a sua versão do AutoCAD? Esse sistema de abas só está disponível a partir da versão 2009.

      Um abraço!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *