AUTOCADSOLUÇÃO DE PROBLEMASDESENHO E EDIÇÃOPUBLICAÇÃO

Cotas anotativas, aprenda a usar

Trabalhar com cotas anotativas é a forma mais eficiente de manter seu projeto com as dimensões sempre na escala correta, poupando o trabalho de criar um estilo de cota para cada escala que for imprimir. Aprenda agora!

Acredito que uma das maiores preocupações em um projeto é se a leitura das dimensões do projeto vai ficar legível quando for impresso. E sempre que você altera a escala de impressão deixando o projeto maior ou menor na folha o mesmo acontece com as cotas, sendo necessário ficar alterando as cotas sempre que isso acontece.

É aí que entram as escalas anotativas. Vamos entender o que são e como configurar.

COTAS ANOTATIVAS, O QUE SÃO?

Mas qual a diferença entre um estilo de cota anotativo e um estilo de cota normal?

Vamos usar o seguinte exemplo, quando você configura seu projeto para ser impresso na escala 1:50 e altera a escala para ser impresso em 1:100 seu projeto será reduzido de tamanho e consequentemente todas as dimensões também serão reduzidas.

cotas-anotativas

Como as cotas entram como informação de leitura, reduzir o seu tamanho é extremamente prejudicial ao projeto, onde geralmente a solução adotada pelos profissionais é criar um estilo de cota para cada escala que for utilizar, o que acaba obrigando você a ter que ficar conferindo o tamanho e mudando as cotas sempre que muda a escala.

Para evitar este problema basta utilizar cotas com escala anotativa, onde conforme a escala do projeto é alterada a escala da cota se atualiza automaticamente. Vamos entender como criar, configurar e utilizar estes estilos de cotas.

CRIAÇÃO DE ESTILO DE COTA ANOTATIVO

Para criar um novo estilo de cota vá até o painel Annotate, na aba Dimensions clique na seta posicionada na diagonal inferior esquerda (ou digite D + Enter).

cotas-anotativas

Aqui você será direcionado para a janela Dimension Style Manager, onde basta clicar no botão New para criar um novo estilo.

cotas-anotativas

Ao clicar em New será exibida a janela Create New Dimension Style onde além de dar um nome você deve marcar a caixa Annotative, em seguida clique em Continue.

cotas-anotativas

O que muda quando eu deixo o campo Annotative marcado?

A diferença é que os valores de altura de texto, espaçamentos, tamanhos de setas, etc agora não correspondem a medidas do seu projeto propriamente dito, mas sim a medida de impressão. Por exemplo, se no campo Text Height (altura de texto) estiver marcando 2,5 isso corresponde a uma altura de 2,5mm quando o desenho for impresso, independente da escala.

Desta forma quando for exibida a janela New Dimension Style, você não precisa fazer mais nenhuma alteração, a menos que você deseje que a altura do texto e demais dimensões sejam diferentes das que já vem configuradas.

cotas-anotativas

Legal, então agora é só sair cotando o desenho certo?

Calma, é preciso tomar alguns cuidados antes para que as cotas se atualizem corretamente e, não menos importante, verificar qual unidade você esta trabalhando.

TRABALHANDO COM COTAS ANOTATIVAS

Na aba Annotative, no painel Dimensions verifique se a cota anotativa que você criou esta habilitada.

cotas-anotativas

Para se certificar que o seu novo estilo de cota é anotativo, observe que ao lado do nome do estilo aparece um pequeno ícone. Se você perceber é o ícone de um escalímetro.

cotas-anotativas

No AutoCAD temos dois ambientes de trabalho, sendo o ambiente Model (onde elaboramos nosso projeto) e o ambiente Layout (onde configuramos a impressão). No ambiente layout a configuração da escala é realizada automaticamente pela Viewport, já no ambiente Model devemos ativar a escala manualmente dentro do menu StatusBar (menu inferior) no campo Adjust Scale.

cotas-anotativas

Agora vem o principal ponto. Qual unidade de medida você trabalha? Lembre-se que o AutoCAD tem seus templates configurados para milímetros, ou seja, todas opções de escala que são exibidas no campo Adjust Scale estão em milímetros.

Mas eu trabalho em metros (ou centímetros) e agora?

Calma, basta criar uma escala personalizada. Para isso, clique no campo Custom.

cotas-anotativas

Na janela Edit Drawing Scale, selecione a opção Add (Adicionar novo).

cotas-anotativas

Na janela Add Scale temos basicamente três campos, no primeiro Name appearing in scale list (Nome que aparece na lista de escala) tome o cuidado para colocar o valor da escala e ao lado o simbolo da unidade que você esta trabalhando.

Em Scale Properties está o segredo. Se você trabalha em metros, no campo Paper Units o valor a ser colocado é 1000. Se você trabalha em centímetros o valor deverá ser 10. Esses valores corrigem a diferença de milímetros para metros (1000) ou para centímetros (10).

No campo Drawing Units você deve colocar o valor da escala desejada. Para uma escala de 1:50 na unidade metros temos a seguinte configuração.

cotas-anotativas

Para criar outras cotas o processo é o mesmo, sendo que o campo Paper Units nunca muda. Utilize 1000 para metros e 10 para centímetros. Ao finalizar não esqueça de selecionar a escala criada.

cotas-anotativas

Para finalizar, precisamos que conforme você for alterando a escala, o AutoCAD altere as cotas já existentes automaticamente. Para que isso ocorra, confira se o botão AutoScale está ativado.

cotas-anotativas

Pronto! Agora é só cotar o seu desenho e conforme a necessidade ir alterando a escala no campo Scale Edit que seu projeto atualiza automaticamente todas as cotas.

cotas-anotativas

Lembrando que quando for configurar a impressão, cada Viewport pode ter sua própria escala de impressão e serão atualizadas automaticamente. Basta selecionar a Viewport e escolher a escala desejada.

cotas-anotativas

Espero que isso resolva o seu problema de ficar corrigindo escala de cotas de uma vez por todas!

Gostaram? Curtam nossa página! Facebook!

Participem do nosso grupo, tem enquete rolando! Grupo Facebook!

Dúvidas? Comentem!

Autor

Luis André

Luis André

LUIS ANDRÉ é Designer Industrial, Arquiteto e Ilustrador nas horas vagas. Graduado em Design Industrial, Arquitetura e Urbanismo e mestrando em BIM (Modelagem da Informação da Construção). Atua como arquiteto na construção civil e também é professor em um Centro de Treinamento Autorizado Autodesk (ATC).
Criou o blog para compartilhar conhecimento e aprimorar iniciantes ou profissionais quanto aos diversos recursos do AutoCAD, REVIT e SKETCHUP.

13 Comentários

  1. Leonardo Rodrigues
    18 de outubro de 2016 at 10:34 — Responder

    Olá, amigo.
    Gostaria de saber se existe algo parecido para o LTscale.
    Por exemplo, abrir viewports com escalas diferentes no paper space e linhas tracejadas apareçam com a mesma proporção (do tracejado) em 1/20 e 1/100, por exemplo.
    abraços

    • 22 de outubro de 2016 at 12:38 — Responder

      Olá Leonardo,

      Infelizmente não. Mas o que você pode fazer é usar o atalho LTS (Line Type Scale) e alterar o valor até ficar com uma proporção de espaçamento que lhe agrade. Lembrando que o valor original é de 1.0 o que corresponde a 100%, ou seja, se quiser reduzir pela metade coloque 0.5 e se quiser triplicar coloque 3.0.

      Espero ter ajudado, um abraço!

  2. Rogério Leite
    22 de maio de 2017 at 10:40 — Responder

    Oi Luis,

    Gostaria de saber se este procedimento também é possível ser feito com os textos?

    Obrigado!

    • 23 de maio de 2017 at 08:30 — Responder

      Olá Rogério,

      Pode ser feito com cotas, textos, multileaders e hachuras também.

      Um abraço!

  3. Thales
    24 de outubro de 2017 at 18:08 — Responder

    Boa tarde.
    Fiz o traçado dos projetos na escala real ou seja 1:1. Para o texto e cotas configurei para escala ANOTATIVA. Só que quando mudo da esc. 1:50 para a esc. 1:100 as cotas dos projetos da esc. 1:50 aumentam e ficam emboladas. O que eu faço para corrigir?

    • 29 de outubro de 2017 at 15:33 — Responder

      Olá Thales,

      Acho que o problema está na proporção que fica muito grande. Se a linha está configurada na escala 1:1 você alterando para as escalas que comentou a diferença é de 50 e 100 vezes. Uma alterativa pode ser vc mudar toda a proporção dessas linhas ou nas propriedades ou com o comando LTS (Line Type Scale). Faça um teste, se o problema persistir, me envie o arquivo que eu dou uma olhada.

      Um abraço!

  4. Cinthia
    27 de outubro de 2017 at 14:12 — Responder

    Estou com um problema, faço curso de arquitetura e meu professor pediu para que fizessemos uma planta na escala de 1/100, e depois deveriamos copiá-la e escalonar para 1/50 e cotar. O que acontece é que as cotas não se adaptam à escala da planta 1/50 . Se uma porta na escala 1/100 era de 80 cm, na escala de 1/50 fica 40 cm. O que eu faço? Não tem como cotar automaticamente na escala 1/50?

    • 29 de outubro de 2017 at 15:57 — Responder

      Olá Cinthia,

      Vou ser sincero que escalonar a planta para criar outra escala é a pior coisa a se fazer. Mas se você na tiver alternativa, você terá que editar a sua cota, para isso digite (D + enter), escolha a cota que você está trabalhando e clique em modify. Vá até a aba Primary Units e altere o valor em Measurement scale – Scale Factor. Já quanto ao valor funciona da seguinte forma:
      O valor 1 corresponde 100%, então como você reduziu o tamanho pela metade, você deve mudar o valor para 0.5.

      Isso resolve esse problema, mas repito. Essa é a pior forma de colocar um projeto na escala. Aqui no site temos diversas publicações ensinando a resolver esse problema. Assim que tiver uma oportunidade, de uma lida.

      Um abraço!

  5. Vinícius
    18 de novembro de 2017 at 03:15 — Responder

    Olá… tenho uma dúvida boa:

    Caso eu queira cotar algo muito grande (ex. terreno) e muito pequeno (ex. espessura de uma parede), como faço essa diferenciação das cotas no model?

    Esse recurso da cota anotativa é bom, mas no caso que citei, não funcionaria. Preciso fazer algo a mais, como, por exemplo, diferenciar as cotas de ambos, apenas pela viewport (sem alterar no model). Algo como, desativar as cotas que aferem as espessuras de uma parede, para que não apareçam na mesma planta que aferem o terreno (pois, por esse recurso, os números sairiam sobrepostos).

    • 18 de novembro de 2017 at 21:01 — Responder

      Olá Vinícius,

      Então nestes casos você pode criar dois tipos de cotas anotativas, cada uma com um tamanho diferente para a etapa de impressão. Porém o emprego de escalas não é apenas para “caber na folha” mas principalmente o tipo de informação que você deseja transmitir. Em um projeto que você coloque uma cota de um terreno, provavelmente você não vai querer cotar uma parede, principalmente pq a escala será minúscula, e essa informação vai virar um pequeno borrão na folha.

      Um abraço!

  6. Vinícius F.
    18 de novembro de 2017 at 21:48 — Responder

    Olá Luis, Obrigado pelo retorno.

    Bem, depois de uma madrugada de testes e pesquisa, consegui descobrir uma forma de cotar um mesmo desenho com escala muito grandes, bem como escalas minúsculas. Em seguida, é só escolher quais cotas que você quer que apareça na viewport.

    É o comando “ANNOALLVISIBLE”

    Seguindo esse tutorial que você orientou, vamos supor que cotamos os detalhes de uma esquadria, e definimos (pelo menu PROPRIEDADES > Misc) as escalas em que essas cotas vão aparecer. Em seguida, vamos supor que no mesmo desenho, quero cotar a dimensão do meu terreno. Com o mesmo procedimento, vamos definir que essas cotas estarão na escala 1:125 (e mais outras se quiser adicionar). Por fim, vamos na viewport e colocamos colocamos na escala que o desenho vai estar.

    Por esse comando “ANNOALLVISIBLE”, definimos como “0”. Assim, somente objetos anotativos que suportam a escala de anotação atual serão exibidos.

    Se eu definir que minha viewport estará na escala 1:125, somente as cotas do terreno (e outras que defini como 1:125) vão aparecer.

  7. Vinícius F.
    18 de novembro de 2017 at 22:14 — Responder

    Ahhh sim… esqueci de mencionar:

    TEM QUE DESATIVAR O RECURSO “ANNOAUTOSCALE” (escalímetro com um raio)! Se não, a cada mudança de escala que se fizer na “Model”, a cota vai adicionar automaticamente a escala definida. No momento de trocar de escala, se esse comando estiver ativado, ele guarda as informações da escala anterior… dando uma sensação de um fantasma ao encostar no textos e cotas…

  8. Vinícius F.
    18 de novembro de 2017 at 23:41 — Responder

    Tem outro recurso que acabei de aprender, caso queira que uma cota tenha várias escalas anotativas, mas você não deseja que todas apareçam ao selecionar o objeto (como um “fantasma” das outras escalas).

    É o recurso SELECTIONANNODISPLAY.

    No caso, é só dar o comando e atribuir o valor “0”.
    Pronto! Ao selecionar uma cota ou multileader (que tem várias escalas anotativas) as outras escalas não vão aparecer ao selecionar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *