PROBLEMAS COMUNSREVIT

Exportar Revit para AutoCAD

Exportar Revit para AutoCAD permite que você converta uma ou mais vistas do seu projeto em um formato que possa ser visualizado no AutoCAD. Aprenda agora!

Mesmo com a rápida adoção do Revit no mercado de contrução civil, ainda é temos uma parcela significativa de profissionais trabalhando com o AutoCAD.

Então para que estes profissionais consigam ter acesso ao conteúdo do seu projeto, é necessário que ele seja convertido para um formato na qual o AutoCAD consiga abrir.

Exportar-revit-para-autocad

Um aspecto muito importante é que no Revit estamos trabalhando em um modelo 3D e no AutoCAD geralmente trabalhamos com um modelo 2D, sendo assim o que você vai enviar para o AutoCAD são as vistas do seu modelo 3D.

Desta forma para cada vista o Revit irá gerar um arquivo separado. Porém nada impede que você copie as vistas desejadas e cole em um arquivo único ou utilize o sistema Xref para agrupar todos.

Não sabe trabalhar com Xref no AutoCAD? Veja esta publicação no link abaixo:

XREF – REFERÊNCIAS EXTERNAS

Agora vamos exportar ver como fazer a exportação.

EXPORTAR REVIT PARA AUTOCAD

Para exportarmos uma vista do Revit para o AutoCAD você deve ir no Navegador de projetos e ativar a vista desejada.

Exportar-revit-para-autocad

Com a vista desejada sendo exibida vá até a aba Arquivo, clique em Exportar e em Formatos CAD selecione a opção DWG (que é o formato padrão de arquivos do AutoCAD).

Exportar-revit-para-autocad

Agora você esta na janela ExportaçãoDWG. Nesta janela realizamos os ajustes necessários para uma correta exportação da vista selecionada.

Exportar-revit-para-autocad

Um detalhe importante é que o Revit não trabalha com camadas como no AutoCAD, e criar todas as camadas seria um trabalho imenso também. Para entender como o Revit resolve este problema clique no campo Selecione a configuração de exportação (clique nos três pontinhos).

Exportar-revit-para-autocad

Agora você está na janela Modificar as configurações de exportação para DWG/DXF. Aqui podemos fazer todos os ajustes necessários para a vista que será exportada.

Exportar-revit-para-autocad

Observe que temos várias abas onde cada uma trata de um assunto relacionado a exportação do seu arquivo.

Na primeira aba, Camadas, o Revit cria automaticamente as camadas de acordo com as categorias dos objetos do seu projeto. Essas camadas não são criadas de forma aleatória e sim com base em um modelo que pode ser visualizado no campo Carregar camadas a partir de modelos.

Exportar-revit-para-autocad

É possível escolher entre alguns padrões internacionais. Infelizmente não temos um padrão nacional, no máximo o da ASBEA, que só será útil caso você trabalhe com ele.

Exportar-revit-para-autocad

Eu particularmente deixo como o padrão American Institute of Architects (AIA) e no AutoCAD faço as alterações que julgo necessárias.

No campo Categorias temos basicamente seis tipos que são subdivididos em diversas outras opções, o que consequentemente pode gerar uma quantidade significativa de camadas para o seu arquivo.

Exportar-revit-para-autocad

Logo ao lado temos duas colunas principais, sendo a Projeção e a Cortar, que são respectivamente as configurações para as vistas em planta e em corte. E em baixo de cada uma, temos as opções Camada, Id de cor e Modificadores de camada.

Exportar-revit-para-autocad

Os nomes das camadas e IDs das cores estão obedecendo ao padrão do American Institute of Architects (ou qualquer outro que você tenha selecionado), mas você pode fazer alterações caso não esteja satisfeito com as opções propostas.

Em Camadas, basta clicar no campo correspondente e alterar o nome como preferir. Já no campo ID de cor você deve selecionar a numeração correspondente a cor que você deseja. Lembrando que estas cores são as 255 cores que o AutoCAD disponibiliza.

Exportar-revit-para-autocad

O campo Modificadores de camada permite que você consiga das mais detalhes a camada, como informar a fase, como paredes existentes ou a demolir. Para isso basta clicar no campo correspondente e selecionar a opção Adicionar/Editar.

Exportar-revit-para-autocad

Na janela Adicionar/Editar modificadores de camada, basta selecionar o item desejado e clicar para acrescentar. Ao finalizar clique em Ok.

Exportar-revit-para-autocad

Para não ficar muito cansativo, vou fazer um resumo das abas que recomendo não fazer alterações.

  • LINHAS – como o próprio nome diz, controlamos a exportação das linhas do seu projeto. Particularmente não recomendo fazer alterações aqui, a menos que julgue necessário. O Revit gera as linhas automaticamente e geralmente o resultado é satisfatório.
  • PADRÕES – podemos fazer as configurações das hachuras que serão criada no AutoCAD. Também não é recomendado fazer alterações aqui.
  • FONTES E TEXTOS – controla os tipos de fontes que serão utilizadas, onde é possível dar preferência para a fidelidade visual ou o grau de edição da fonte.
  • CORES – você pode escolher entre o padrão do AutoCAD (255 cores), Especificados no estilo de objeto (True Color) ou Especifico na vista (True color).
  • SÓLIDOS – Para o caso de uma exportação 3D, permitindo escolher entre Polimalhas e sólidos ACIS.

Nas próximas abas, temos alguns detalhes que devem ser observados com atenção.

COORDENADAS E UNIDADE – Aqui você deve ter atenção. O Revit por padrão vai exportar o arquivo em milímetros, sendo que não importa a unidade atual do seu arquivo. Então se quiser que a exportação seja criada em metros, corrija a unidade desejada no primeiro campo.

Exportar-revit-para-autocad

O campo Base do sistema de coordenadas deve permanecer como está, a menos que você esteja trabalhando com arquivos vinculados.

GERAL – Aqui temos uma série de pequenos ajustes que podem ser realizados, onde na maioria dos casos não devemos fazer alterações, porém recomendo atenção no campo Opções de exportação padrão.

Exportar-revit-para-autocad

O Campo Exportar para o formato de arquivo permite definir em qual versão do AutoCAD o arquivo pode ser aberto. Observe que por padrão ele vem como Formato do AutoCAD 2018. Caso você precise visualizar o arquivo em uma versão anterior ao AutoCAD 2018, ele não irá abrir, então altere para a versão do AutoCAD que você precisa.

Exportar-revit-para-autocad

Após fazer os ajustes que julgar necessários, pode clicar em Ok. De volta a janela Exportação DWG, podemos escolher se vamos exportar apenas a vista atual ou um grupo de vistas. Como exemplo, vamos exportar apenas a vista atual, então no campo Exportar, selecione a opção Somente vista/folha atual.

Exportar-revit-para-autocad

Em seguida clique em avançar. Agora basta escolher o lugar onde você deseja salvar o seu arquivo DWG.

Exportar-revit-para-autocad

Aqui você pode alterar o nome do arquivo e conferir a versão do AutoCAD na qual o arquivo será salvo. Se estiver tudo certo, basta clicar em Ok.

Vá até o local onde você salvou o arquivo e observe que existem dois arquivos, sendo um o projeto em DWG e o outro um arquivo com extensão .PCP. Vamos nos concentrar primeiro no arquivo DWG do projeto. Vou abrir o mesmo no AutoCAD.

Exportar-revit-para-autocad

Observe que visualmente deu tudo certo. Alguns pontos relevantes:

COTAS

As cotas não vieram explodidas e foi criado um estilo de cotas personalizado.

Exportar-revit-para-autocad

BLOCOS

Boa parte das famílias foram transformadas em blocos, com exceção de alguns itens, mas como famílias são um caso a parte, eu considero que o resultado é satisfatório.

Exportar-revit-para-autocad

HACHURAS

Apesar do exemplo que usei só ter hachuras sólidas, as mesmas foram convertidas sem maiores problemas.

Exportar-revit-para-autocad

TEXTOS

Também foram exportados corretamente e funcionais.

Exportar-revit-para-autocad

CAMADAS (LAYERS)

Aqui temos um dos itens mais importantes. Os layers foram criados conforme configuração realizada dentro do campo Configurar exportação da seção, logo temos uma lista imensa de camadas que foram criadas.

Exportar-revit-para-autocad

A quantidade de camadas vai variar em função dos objetos que seu projeto no Revit tem. Mas podemos observar seus respectivos nomes e as cores empregadas em cada camada. Você pode fazer as alterações que desejar, visto que o arquivo DWG não tem nenhum vínculo com o arquivo de Revit.

Certo mas e o peso gráfico? Tenho que configurar na mão?

Então, lembra que quando fizemos a conversão foram criados dois arquivos, sendo um o arquivo do projeto e o outro um arquivo .PCP? Este arquivo PCP é o arquivo que controla o peso gráfico.

Mas por que não foi criado um arquivo de extensão .CTB que é o padrão do AutoCAD?

Boa pergunta. A Autodesk já poderia ter providenciado isso porra Autodesk!, mas o que pode ser feito é uma conversão deste arquivo para o formato CTB, processo que explicarei em outra publicação.

Agora temos a questão que fazer o processo de exportação de uma vista de cada vez pode levar um tempo precioso, visto que é comum um projeto passar de uma dezena de vistas, o que fazer então?

Podemos fazer a exportação de diversas vistas de uma única vez. Para isso, volte ao Revit,  vá novamente até a aba Arquivo, Exportar, Formatos CAD e clique em DWG.

Exportar-revit-para-autocad

Na janela Exportação DWG faça as configurações que achar necessário e no campo Exportar altere para Conjunto de vistas/Folhas na sessão.

Exportar-revit-para-autocad

No campo Exibir na lista altere para Todas as vistas e folhas no Modelo, que assim serão exibidas todas as vistas existentes no arquivo atual.

Exportar-revit-para-autocad

Agora basta selecionar as vistas desejadas na coluna Incluir. Lembre-se que este processo não vai criar um arquivo único e sim diversos arquivos. Ao finalizar clique em OK.

Exportar-revit-para-autocad

Caso ache necessário você pode copiar e colar tudo em um mesmo arquivo ou usar a o recurso Xref no AutoCAD.

Então, problema resolvido! Seu projeto foi convertido em DWG e pode ser visualizado no AutoCAD sem maiores problemas!

Gostou? Assine nossa Newsletter e seja avisado por e-mail quando saírem novas publicações!

Curtam nossa página! Facebook! E não esqueça de fazer uma avaliação da página!

Participem do nosso grupo! Grupo QualifiCAD

Dúvidas? Comentem!

Autor

Luis André

Luis André

Fundador do QualifiCAD, arquiteto, designer de produto, mestre em arquitetura, apaixonado por tecnologia, softwares de arquitetura e maquetes eletrônica. É leitor de quadrinhos e ilustrador nas horas vagas, mas ocupa quase todo tempo produzindo conteúdo para o site. Mas ama fazer isso!

2 Comentários

  1. edson correa de paiva filho
    29 de outubro de 2018 at 16:42 — Responder

    gostei das explicações, mas gostaria de ver isto na pratica em video

    • 8 de novembro de 2018 at 13:50 — Responder

      Olá Edson,

      Ainda não estou criando material em vídeo mas está nos planos.

      Um abraço!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *